SEO: 5 pilares para a otimização do seu site

17 DE maio DE 2017, POR: GEORGIA MEDEIROS | CATEGORIA: Presença Digital

Você já se perguntou qual o segredo de alguns sites e blogs que são campeões de visualizações? Confira algumas técnicas para aumentar a visibilidade e melhorar o posicionamento da sua página nos sites de busca.

Por traz desses perfis de sucesso existe uma explicação mais simples do que você imagina, a qual se aplica a grandes sites que performam com ótimos resultados. Hoje viemos apresentar a vocês um pouco do trabalho de SEO - Search Engine Optimization, que a cada dia é mais comum na web.

Em português, SEO é traduzido como Otimização de Sites para mecanismos de busca, sendo utilizado como ferramenta estratégica para garantir um melhor posicionamento de uma página em um resultado de buscas, desta forma, aumentando a probabilidade de crescimento do número de acessos.

Antes do surgimento do SEO, que veio com a nova geração de sites de busca, os links eram organizados em uma página de resultado em ordem alfabética. Nas novas ferramentas de busca, o posicionamento depende da relevância, que é definida por algoritmos - cálculos utilizados para definir o quanto uma página é importante.

Mesmo que os fatores que influenciam o posicionamento das páginas sejam sigilosos, ao longo do tempo foi possível identificar práticas que ao serem utilizadas resultam em mais acessos, cliques e até mesmo conversões.

A seguir confira cinco dicas para tornar o seu site um campeão nos mecanismos de buscas:

1. Meta tags

As metas tags são um conjunto de informações presentes no código HTML de cada página, que indicam aos robôs do mecanismo de busca às informações a respeito do conteúdo abordado naquele URL (endereço do site).

2. Palavras-chave

A otimização do site depende obrigatoriamente da utilização de palavras-chave, que são termos relevantes de acordo com o assunto abordado em uma página, funcionando como base do trabalho de SEO.

Para escolher as palavras-chave, o responsável pelo site precisa identificar termos que descrevem seus produtos e serviços, a partir de pesquisas e levantamentos a respeito dos temas relevantes e principais abordados em determinada página da WEB.

3. Conteúdo de qualidade

Conhecer e entender o seu público é um dos primeiros fatores para a produção de um conteúdo otimizado e de qualidade. Estudar os tipos de buscas realizadas pelo público-alvo, saber quais sãos os seus desejos, o que ele espera do produto e quais conteúdos são pertinentes são alguns dos fatores que devem ser identificados.

Produzir um conteúdo a partir destes pontos tornará o seu material útil ao leitor e cliente, possibilitando o desenvolvimento de um relacionamento de fidelização com a marca. 

4. URL

A URL de uma página é mais um fator imprescindível para a o ranqueamento no Google, que também identifica as palavras-chave no endereço de um site. Quanto menos elementos existirem na URL além da palavra-chave, será mais fácil de os leitores serem direcionados ao site.

5. Imagens no artigo

Ao utilizar imagens para um site não podemos esquecer que os algoritmos que fazem a leitura de conteúdo também processam informações HTML para as imagens. Por isso, é importante que os arquivos sejam enriquecidos com imagens com nomes relevantes para a página.
 

Pronto para começar?

Mas lembre-se que esses são apenas alguns dos itens a serem considerados para otimizar o seu site. Aliar o foco e interesse de seus clientes com essas dicas é um passo para o sucesso, mas saiba de que o mecanismo de SEO se baseia em uma série de possibilidades que impulsionam a otimização de um site – o que pode ocorrer de maneira gradual, com resultados perceptíveis a médio e longo prazo. 

Para melhores resultados, conte com o serviço de uma equipe especializada em marketing digital e empenhada para dar um ‘up’ nos acessos e conversões de seu site. 

Clique aqui e veja como aumentar a visibilidade e melhorar o posicionamento da sua página nos sites de busca ;)

 

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO